15 de março de 2015

Tag: Confissões de uma bibliófila

Essa tag vi pela primeira vez no canal O Batom de Clarisse.

- Qual o gênero de literatura que você se mantém longe?
Sem dúvida nenhuma, sem nem precisar pensar a respeito: Auto-ajuda. Não sou nada fã desse gênero, para ser sincera DETESTO esse tipo de livro. Para mim é o tipo de leitura que não acrescenta em nada e me deixa frustrada quando leio (que é praticamente nunca);

- Qual livro você tem na estante e tem vergonha de não ter lido?
Orgulho e Preconceito de Jane Austen. Um clássico que comprei há muitos anos e entra ano, sai ano, permaneço postergando sua leitura;

- Qual seu pior hábito enquanto leitor?
Acredito que seja ler vários livros ao mesmo tempo de vez em quando. Acontece que na verdade sempre fica um pra trás e que permanece meses na abinha de lendo do Skoob rsrsrs;

- Você costuma ler a sinopse antes de ler o livro?
Sim!!! Não compro um livro sequer antes de ler sua sinopse, se a compra será feita pela internet, procuro resenhas e opiniões de outros leitores para saber mais a respeito da narrativa e do autor do livro. Ah e não me preocupo nem um pouco com spoilers;

- Qual o livro mais caro da sua estante?
Tenho uma das inúmeras coleções de Harry Potter, mas se for levar em consideração, livros únicos, o livro mais caro da minha estante é Sob a Redoma de Stephen King. Que por sinal me arrependi de ter comprado na época do lançamento porque agora ele se encontra muito mais barato!;

- Você compra livros usados em Sebos?
Nunca comprei, mas por preguiça de ir mesmo... A maioria dos livros que tenho foram comprados pela internet...;

- Qual sua livraria física preferida?
Minha cidade é muito carente com tudo que é relacionado a cultura, inclusive livrarias. Dificilmente frequento livrarias físicas a não ser quando vou para outras cidades como Presidente Prudente, Bauru ou Goiânia. Mas tem uma livraria chamada Empório Cultural no Bauru Shopping, que toda vez que vou visitar minha tia é parada obrigatória, e normalmente permaneço por lá juntamente com meu primo que também é apaixonado por livros durante pelo menos uma hora!;

- Você tem um orçamento mensal para comprar livros?
Hoje não. Já tive há uns dois anos atrás, mas sinceramente não funcionou. Minha meta de gastar no máximo R$ 50,00/mês não obteve eficácia. Todo mês ao somar a fatura do Submarino (vários livros comprados e divididos em diversas parcelas) dava pelo menos R$ 70,00. Desisti!!! hehehe. A conta só foi diminuir quando fiz uma intenção para conseguir minha casa própria kkkkkk.